CIAO BELLA

Um dia ouvi que aquilo que sonhamos muitas vezes são na verdade, necessidades escondidas dentro de nós. Sempre sonhei com Itália. E até hoje ainda não tinha descoberto que na verdade, Itália era uma necessidade. Um amor escondido. E assim foi, Milão aconteceu.
 
De malas feitas, embarquei para o destino da “ La Dolce Vita”, o sítio onde tudo é possível, tudo é mais leve, tudo é arte, onde tudo é mágico.  A comida, a forma como as pessoas vivem, a língua italiana, a arte em cada canto. É impossível não amar esta cidade. Estar em Itália é como comer um grande prato de pasta, é confortante, faz-nos sentir em casa.
 
E tal como as ruas de Milão, onde a moda e a arte se cruzam em cada esquina, também a Uterqüe decidiu cruzar estas duas e lançar uma implacável nova coleção. Esta coleção foi feita para mulheres livres, viajantes e cosmopolitas, escrevendo por si sozinha um conjunto de peças inspiradas num caderno de viagem, com referências que bebem tanto a literatura universal como da arte na sua expressão mais pura. E a verdade é que não me podia identificar mais.
Tenho vestido um look completo Uterqüe com as peças novinhas em folha da nova coleção. E por falar em arte, também trago comigo uns maravilhosos brincos Swarovski, uma das sugestões para o Dia de S.Valentim desenhados para representar o amor eterno e que são o mote perfeito para o inicio desta minha história de amor com Itália.
 
E como se diz: Veni, Vini, Amavi (Chegámos, vimos e amámos) e assim começa esta jornada. Escrevo este texto com um copo de vinho italiano na mão e ansiosamente esperando pelo jantar para comer uma bela Pasta al Pomodoro. Ciao Milano !
 
FULL LOOK: UTERQUE | EARRINGS: SWAROSVKI
_________________________________________________________________________
One day I heard that sometimes, what we dream about, in fact, our hidden needs. I always dreamed about Italy. And until these days I never discovered that Italy was in fact a hidden need. A hidden love. But now I can say that Milan happened.
 
With luggage full of Lisbon and still empty with Italian memories, I embarked to the destination of “La Dolce Vita”, the place where everything is possible, everything is lighter, everything is art, where everything is magic. The food, the way people live, the Italian language, the art in every corner. It’s impossible not to love this city. Being in Italy is like eating a large big plate full of pasta, it’s comforting, it makes us feel like home.
 
And just as the streets of Milan, where fashion and art intersect at every corner,  also Uterqüe decided to cross these two and launch a breathtaking new collection. This collection was made for free women, travelers and cosmopolitans, writing by itself a set of pieces inspired by a travel notebook, with references that drink both universal literature and art in its purest expression. And the truth was that I couldn’t relate more.
And just like the streets of Milan, where fashion and art intersect at every corner, Uterqüe also decided to cross these two and launch a breathtaking new collection. This collection was made for free women, travelers and cosmopolitans, writing by itself a set of pieces inspired by a travel notebook, with references that drink both universal literature and art in its purest expression. And the truth was that he couldn’t identify myself more than this.
 
I’m wearing a full look from Uterqüe all from the new collection.
And as we’re speaking about art, I also bring with me these wonderful Swarovski earrings, one of the suggestions for Valentines Day designed to represent eternal love and which are the perfect motto for the beginning of my love story with Italy.
 
And they say: Veni, Vidi, Amavi (We arrived, we saw and loved). Ciao Milano!